A relatividade do livre-arbítrio e a responsabilização da indústria do fumo. A desconstrução de um mito

O presente ensaio analisa um dos principais argumentos invocados pela indústria do fumo para sustentar a ausência de responsabilidade civil pelos danos causados pelo vício do fumo: o livre-arbítrio do fumante. Através da contribuição de outras ciências, procura-se demonstrar como os jovens, público-...

Full description

Saved in:

Bibliographic Details:

Revista de Derecho Privado Revista de Derecho Privado; Núm. 31 (2016): Julio-Diciembre; 186-225

Universidad Externado de Colombia

Article

Spanish

Departamento de Derecho Civil 2016

Add Tag

No Tags, Be the first to tag this record!

10.18601/01234366.n31.07